Realizar busca
- 21/09/2018 - 08:38
Supermercados inovam e focam em praticidade

A experiência de ir ao supermercado tem aos poucos se modificado para o cearense e também para a maioria dos brasileiros nos últimos anos, com a implementação de novas ferramentas tecnológicas no mercado. Entre elas, equipamentos de autoatendimento (self checkouts) e sistemas automatizados e de Big Data para o conhecimento do perfil de compra dos consumidores, que proporcionam o envio de ofertas personalizadas a eles.

Leia mais:

Antes mais restrito a guichês para pagar estacionamentos, a rede Mercadinhos São Luiz passou disponibilizar caixas de autoatendimento nas duas últimas lojas inauguradas como uma alternativa mais rápida a quem não quiser esperar na fila.

O equipamento permite que o próprio cliente passe seus produtos no caixa e faça o pagamento no cartão de débito ou de crédito, sem passar pelos caixas convencionais.

De acordo com a diretora de Marketing do supermercado, Joana Ramalho, os caixas vêm sendo muito bem aceitos por clientes de diferentes faixas etárias. “A gente atribui isso à familiaridade deles com as tecnologias”, aponta. Ela explica que, embora possa parecer uma medida contraditória para um supermercado que investe em atendimento com pessoas, em diferentes momentos, o cliente quer mais praticidade.

Demanda

O grupo irá, gradativamente, implantar novos caixas nas lojas mais antigas, sem substituir os caixas convencionais – atualmente, a tecnologia está presente nas unidades do Pátio Água Fria e Shopping Del Paseo. “O intuito não é o de não ter pessoas, mas de oferecer uma alternativa mais ágil aos clientes, a depender do estilo de compra de cada um. Há, inclusive, atendentes para auxiliar as pessoas a usarem o self check out, que devem permanecer”.

Uma iniciativa semelhante foi posta em prática pelo Sam’s Club, o clube de compras do Walmart. Também com o propósito de agilizar o processo, os consumidores utilizam a funcionalidade Click & Go do aplicativo da marca para escanear pelo smartphone os códigos de barras dos produtos adicionados ao carrinho. Ao final, o cliente recebe código de barras com a identificação do usuário e o valor total da compra, que deve ser apresentado no caixa.

Entre outras novidades adotadas pelo Mercadinhos São Luiz estão a divulgação de ofertas em totens nas lojas e o encarte digital, que também tem o propósito de reduzir o uso do papel.

A empresa prevê também ofertar até o fim deste mês a possibilidade de entrega a domicílio, em parceria com o aplicativo Rappi, e lançar o aplicativo próprio, em outubro, para relacionamento com os clientes e ofertas direcionadas.

Sistema de relacionamento

Para isso, as empresas utilizam sistemas de gestão de relacionamento com o cliente chamadas CRM (na sigla em inglês). “O direcionamento de ofertas de acordo com o perfil de compras do cliente é positivo tanto para ele, que pode ter uma oferta que lhe interesse, como para o supermercado, que pode segmentar as promoções a clientes que realmente vão comprar”, explica Joana Ramalho.

O sistema é utilizado por grandes redes de varejo, entre as quais as Farmácias Pague Menos, que investiu em análise de Big Data em parceria com a multinacional Symphony EYC. Para proporcionar ofertas customizadas, a rede analisa mais de 300 milhões de produtos adquiridos em um período de 12 meses – o histórico de compras do consumidor determina o nível e o tipo de promoção a que tem direito.

“Buscamos sempre trazer a melhor oferta para o nosso cliente. E esse processo não se resume apenas aos descontos, mas em promover também uma experiência de compra personalizada, que vá ao encontro com o que nossos consumidores procuram”, afirma Patriciana Rodrigues, vice-presidente comercial da empresa.

O sistema é semelhante ao utilizado por outras redes nacionais de farmácia, como Extrafarma e Drogasil.

O grupo GPA, proprietário dos supermercados Pão de Açúcar e Extra, foi um dos primeiros a utilizar a ferramenta no segmento. Através da funcionalidade “Meu Desconto”, disponível nos aplicativos dos programas de fidelidade Clube Extra e Pão de Açúcar Mais.

As empresas prometem descontos regulares de pelo menos 20% em 60 categorias de produtos que compõem a maior parte da cesta de compras dos consumidores.

 

Fonte: Diário do Nordeste

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Clima

 

Cotação


Cotações de Moedas fornecidas por Investing.com Brasil.
​​