Realizar busca
- 23/05/2017 - 14:47
Saudi Aramco divulga iniciativa de US$ 50 bilhões otimização produção de petróleo

A empresa estatal Saudi Aramco, do setor de petróleo e petroquímica da Arábia Saudita, divulgou dia 20 de maio de 2017 o conjunto de acordos comerciais assinados com empresas norte americanas que representam um valor potencial de US$ 50 bilhões. Os acordos são parte dos resultados obtidos pelo presidente Donald Trump, na viagem ao oriente médio.

Os acordos visam associações e investimentos conjuntos para desenvolver e gerenciar a construção de infraestrutura social ampliar a capacidade da indústria fornecedora ao setor de produção de petróleo.

Veja a seguir os acordos:

Jacobs Engineering – Associação entre a Aramco a Jacobs – com sede em Dallas (Texas –EUA), fundada em 1947, presença em 54 países, faturamento de US$10,9 bilhões em 2016, empresa 54 mil pessoas, presença de 40 anos na Arábia Saudita. A associação entre a estatal do Reino Saudita e a Jacobs visa gerenciamento de um programa de construção de infraestrutura social na Arábia Saudita , Norte da África e países do Oriente Médio. A associação é considera por analistas como parte de um sistema que implanta infraestrutura social (saneamento, energia elétrica, habitação, escolas e hospitais) gerando empregos locais. Os recursos para financiar o programa de construção podem vir da expansão e melhorias na produção de petróleo.

National Oiwell Varco (NOV) – Associação entre a Aramco e a NOV para implantar indústria local de equipamento de perfuração e treinamento de pessoal para expandir a capacidade da Arábia Saudita de gerar empregos e aumentar a oferta desses serviços na região.

GE – Memorando de entendimentos entre Aramco e GE para desenvolvimento de novos negócios na rede de fornecimentos de óleo e gás, nos segmentos upstream, midstream e downstream; realizar a transformação digital das operações da Aramco com a implantação de um sistema de internet das coisas gerenciada por computação em nuvem, realizando a transformação tecnológica das operações para uma visão do plano até 2030 da Aramco.

Rowan – Memorando de entendimentos entre a Aramco e a Rowan, empresa fundada em 1923, atuante na Arábia Saudita de serviços de perfuração de poços de petróleo para a criação de uma nova empresa, com 50% de controle cada um, para gerenciar e operar a perfuração de petróleo na Arábia Saudita.

Nabors – Memorando de entendimentos entre a Aramco e Nabors, operadora da maior frota de equipamentos de perfuração terrestre nos EUA e outros países, visando otimizar a perfuração e ampliação da produção de petróleo.

McDermott – Memorando de entendimento assinado entre a Aram e a McDermott para desenvolver um plano como nove iniciativas para implantar a Visão 2030 da Aramco no desenvolvimento e aperfeiçoamento da indústria local de petróleo e gás.

Honeywell – Memorando de entendimento entre a Aramco e a Honeywell ampliando a colaboração já existente entre as empresas para avanços no processo de informatização da indústria de óleo gás.

Schlumberger – Haliburton – Weatherford – Memorando de entendimento entre a Aramco e as empresa dos EUA para identificação de mobilização de rede de fornecedores de produtos e serviços para o programa de otimização e expansão da produção de petróleo.

Emerson – Memorando de entendimento entre a Aramco e a Emerson para implantação soluções de informática e internet das coisas para a digitalização das operações de produção de petróleo e gás.

Fonte: https://www.portosenavios.com.br/noticias/geral/38879-saudi-aramco-divulga-iniciativa-de-us-50-bilhoes-otimizacao-producao-de-petroleo

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Clima

 

Cotação


Cotações de Moedas fornecidas por Investing.com Brasil.
​​