Realizar busca
- 25/02/2017 - 10:57
Decisão do governo sobre conteúdo local desagrada à indústria

Representantes da indústria nacional criticaram a decisão do governo de reduzir em 50% o índice de conteúdo local. Para eles, é um erro juntar o fornecimento de serviço e de bens equipamentos dentro de uma única cota.

Na avaliação de José Ricardo Roriz, vice-presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo e porta-voz do Movimento Produz Brasil, que reúne diversas entidades da indústria e trabalhadores, os novos índices de conteúdo local trazem insegurança para a indústria nacional. Segundo ele, segmentos como o de aço, máquinas e equipamentos, eletroeletrônicos e estaleiros serão seriamente afetados. Como resultado, haverá ainda mais desemprego.

— A sinalização é que as petroleiras vão poder comprar os equipamentos aqui ou no exterior. Essa mudança atendeu apenas aos interesses dos produtores de petróleo. Não será bom para o país — disse Roriz.

Roriz admite que a decisão do governo não veio dentro do esperado pela indústria após meses de negociações em Brasília. Ele critica o fato de a nova política de conteúdo local não ter criado alíquotas específicas para serviços e para bens e equipamentos.

— A consequência disso é que as petroleiras vão usar o serviço, que tem um custo menor, e a fabricação de equipamentos será feita no exterior. O Brasil vai continuar vendendo matéria-prima e importando valor agregado — apontou Roriz.

Fonte: https://www.portosenavios.com.br/noticias/ind-naval-e-offshore/37713-decisao-do-governo-sobre-conteudo-local-desagrada-a-industria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Clima

 

Cotação


Cotações de Moedas fornecidas por Investing.com Brasil.
​​