Realizar busca
- 01/04/2017 - 17:10
Comissão da Logística define prioridades para 2017

A Comissão de Logística já definiu, durante a primeira reunião do ano nesta quarta-feira (29), as datas para os estradeiros e visitas técnicas às rodovias federais em 2017. Projeto da Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja) e do Movimento Pró-Logística, as caravanas são ferramentas de acompanhamento da situação das principais vias de escoamento dos grãos do MT.

O primeiro será no dia 4 de abril, na BR-174. Depois, haverá uma visita técnica à BR-163, de 09 a 11 de abril. Entre 25 de maio e 1º de junho, será a vez do Estradeiro da BR-364. O Estradeiro da BR-158 será de 18 a 23 de setembro e, a comissão encerra a programação no mês de novembro, quando será realizado o Estradeiro da BR-163, entre 22 e 24. Todos os associados podem participar dos Estradeiros. Para saber mais, é preciso entrar em contato com o assistente de Logística, Julian Pereira, no telefone (65) 3644-4215.

As reuniões da comissão também já estão definidas. A segunda será no dia 27 de julho, a terceira no dia 28 de setembro e, a última, será realizada no dia 07 de dezembro.

O secretário de Estado de Infraestrutura, Marcelo Duarte, também participou da reunião. Duarte fez uma espécie de prestação de contas do que tem sido feito pela pasta nas rodovias estaduais.

No ano passado, o secretário já havia se reunido, também na Comissão de Logística, para ouvir as principais demandas dos agricultores quanto às rodovias estaduais. Na ocasião, eles definiram 12 vias prioritárias. São elas: MT-010, MT-020, MT-109, MT-130, MT-140, MT-220, MT-222, MT-339, MT-343, MT-388 e MT-419.

De acordo com o secretário, até o momento foram entregues 1.430 quilômetros, entre construção e reconstrução. A meta é entregar no fim do Governo cerca de 4 mil quilômetros. Só para 2017, seriam 790 quilômetros.

“A participação do secretário com seus assessores técnicos foi fundamental durante a reunião. Ele conseguiu dar um panorama real das obras e, também, a pretensão do que a Sinfra pretende realizar para os próximos dois anos”, pontua o coordenador da Comissão, Antônio Galvan.

Outros modais – Durante a reunião, o diretor executivo do Movimento Pró-Logística, Edeon Vaz Ferreira, também fez um balanço do que tem sido priorizado em relação às hidrovias e ferrovias, bem como de ações da Aprosoja nos primeiros meses do ano.

No caso das hidrovias, estão no farol, a Arinos, Juruena, Teles Pires, Tapajós-Araguaia e Tocantins-Paraguai. Espera-se o aditivo do Estudo de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental (EVTEA) do Rio das Mortes no mês de março e a licitação do EVTEA do Rio Aripuanã.

Também foi informado sobre os andamentos dos Projetos de Decretos Legislativos (PDC’s) números 118, 119 e 120, respectivamente do Rio Paraguai, Rios Tapajós e Rio Tocantins. Todas, agora, aguardam designação para relator da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ).

No caso das ferrovias, a prioridade é a Ferrogrão, que em seu projeto inicial começa em Sinop e vai até Estações de Transbordo de Cargas (ETCs) de Miritituba, no município de Itaituba (PA). Porém, há uma demanda por parte dos produtores que ela chegue até Lucas do Rio Verde.

De acordo com Edeon, é esperado, ainda para este ano, a desafetação do Parque Nacional do Jamanxim, já autorizada pelo Governo Federal por meio da Medida Provisória 758/2016, e também a emissão da Licença Prévia (LP), para que a licitação da concessão da Ferrogrão dê prosseguimento.

Sobre as rodovias federais, o diretor do Movimento Pró-Logística fez informes sobre a BR-163, BR-158, BR-080 e BR-242.

Fonte: http://www.topnews.com.br/noticias_ver.php?id=50117

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Clima

 

Cotação


Cotações de Moedas fornecidas por Investing.com Brasil.
​​